Novo sistema de transmissão EcoLife 2 da ZF

Texto: David Espanca
Data: 11 Outubro, 2019

A última geração do sistema de transmissão automática para autocarros foi agora apresentada pela ZF, tornando o Ecolife 2 mais leve, eficiente, robusto e fácil de manter. Entre as melhorias destacam-se a economia de combustível até três por cento, função “start-stop” para todas as variantes de modelo e a redução do desgaste graças a um conceito de refrigeração aperfeiçoado.

Manteve-se o princípio básico de uma engrenagem planetária de seis estágios com conversor de binário e retardador primário. Já a nova versão da transmissão “powershift” possibilita que os autocarros se movam suavemente com um binário de entrada até 2.000 nm, permitindo passagens de caixa suaves.

Uma novidade que a ZF introduziu dentro da caixa de velocidades foi a engrenagem planetária do EcoLife 2, que torna possível o aumento da relação de transmissão total de 5.469 para 5.727, necessária para ampliar a transmissão de potência mecânica e, assim, obter uma maior eficiência. Foram ainda reduzidas as perdas internas de transmissão, ao aplicar-se um revestimento especial à embraiagem laminar.

Outra inovação deste novo sistema de transmissão é o conceito de refrigeração, já que o permutador de calor em aço inoxidável, montado atrás da transmissão, é agora de três canais, integrando o sistema de refrigeração da transmissão e eliminando a necessidade para um recipiente adicional, o que se traduz ainda numa redução de peso na ordem dos 10 kg.

O EcoLife 2 estará disponível para os clientes atuais da ZF no próximo ano, após o qual será disponibilizado ao restante mercado. Também está a ser desenvolvida uma variante do EcoLife 2 para autocarros de turismo, que cobre um intervalo de binário entre 1.700 e 2.800 nm.

Partilhar