Nova gama Transit pode usar gasóleo renovável

Texto: Carlos Moura
Data: 31 Janeiro, 2020

A Ford aprovou a utilização de HVO – Óleo Vegetal Hidrogenado pelos veículos comerciais da gama Transit. Trata-se de um gasóleo renovável produzido a partir de óleos usados, incluindo os óleos residuais dos restaurantes, dos takeaways e mesmo das coxinhas domésticas.
O recurso ao HVO pode contribuir para a melhoria da qualidade do ar, uma vez que os gases com efeito de estufa podem ser reduzidos até 90% em comparação com os gasóleos de origem fóssil. Os motores que utilizam HVO emitem menos NOx e partículas porque este combustível não contém enxofre ou oxigénio.
A Ford tem vindo a testar a utilização de HVO no seu motor EcoBlue de 2,0 litros com o objetivo de assegurar que não é necessária a realização de quaisquer alterações e que a assistência não seja afetada. A marca refere que não foi necessário qualquer desenvolvimento adicional do combustível antes da sua possível utilização nos mais recentes veículos da gama Transit.
O HVO já se encontra em comercialização em postos de combustível selecionados na Europa, designadamente na Escandinávia e nos países bálticos, sendo disponibilizado na sua forma pura ou misturado com gasóleo convencional. Se o veículo parar num determinado ponto onde não seja comercializado HVO, o utilizador pode abastecer com gasóleo convencional, já que ambos os combustíveis se podem misturar no depósito sem causar problemas.

Partilhar