Scania ganha teste comparativo de camiões na Europa

Texto: Carlos Moura
Data: 28 Fevereiro, 2018

Pelo segundo ano consecutivo, a nova geração de camiões ficou em primeiro lugar no mais importante ensaio comparativo de camiões da Europa, o 1.000 Point Test.

 Organizada pela editora alemã ETM Verlag, que inclui no seu portefólio as revistas Lastauto Omnibus e Fernfahrer, em colaboração com outras publicações da imprensa especializada europeia, o 1.000 Point Test é o ensaio comparativo de camiões mais completo da Europa. Nesta edição, o teste incidiu sobre cabinas de dimensão média e motorizações na ordem dos 450 cv, tendo contando com a participação do Scania R450, do Mercedes-Benz Actros 1845 e do Volvo FH 460.

O teste envolve uma equipa internacional de jornalistas da imprensa especializada europeia em camiões, que atribui pontuações subjetivamente em combinação com medições objetivas.

Pelo segundo ano consecutivo, a Scania foi a melhor classificada neste teste. Entre os fatores que contribuíram para a obtenção deste resultado destacam-se a introdução das mais recentes atualizações dos sistemas de Cruise Control com Antecipação Ativa, a função Pulse & Drive e o Controlo de Velocidade em Descida, que vieram permitir melhorar ainda mais o consumo de combustível.

O sistema Pulse & Glide oferece a oportunidade de aumentar a velocidade (Pulse) e depois rolar em roda livre (Glide) durante um período mais longo de tempo, aproveitando melhor a vantagem da energia cinética do veículo em estradas com muitas descidas e subidas. Estas novidades resultam em termos de consumo de energia e ajudaram a Scania ser a clara vencedora deste teste comparativo. O Scania R450 revelou-se o camião mais rápido do teste em todas as situações, incluindo a aceleração inicial, o rolamento em autoestrada e o comportamento nas subidas. A nova geração da Scania revelou-se ser a melhor em categorias como a qualidade da cabina, a cadeia cinemática e performance, o consumo de combustível, o custo e a carga útil. No global, o Scania terminou na primeira posição da competição, com um total de 954,5 pontos, seguindo-se o Mercedes com 943,2 pontos

Partilhar